Cuiabá
Carregando...

? ºC

/

Cuiabá (MT), 16 de setembro de 2019 - 06:01

Notícias

23/04/2019 15:11

1º Maio Unificado terá shows e espaço para as crianças

O Sintuf-MT convida a toda a comunidade UFMT para participar na quarta-feira do grande ato público “1º de Maio Unificado dos Trabalhadores”. Será um dia marcado pela luta em defesa da aposentadoria, pelo emprego e salário decente. O ato será realizado a partir das 16 horas  na Praça Cultural do bairro Jardim Vitória, e contará com muitos shows de artistas regionais, além de um espaço kids para as crianças. 


“O primeiro de maio surgiu da luta dos trabalhadores, que foram para as ruas reivindicar a redução da jornada de trabalho de 13 para 8 horas diárias. Esses protestos resultaram na morte de trabalhadores, por isso a data é lembrada em vários países, sendo escolhida no Brasil para marcar o início do Salário Mínimo. Estamos em mais um momento histórico para os trabalhadores, na luta pela em defesa da aposentadoria, das condições de trabalho e salários decentes. Precisamos de união e mobilização para barrar esses ataques”, destacou a representante do Sintuf na Fasubra, Marillin Castro.

Você Sabia que a proposta de Bolsonaro ?

 

Aumenta a Idade mínima para se  aposentar de 62 anos, para mulheres, e 65 anos, para os homens. Prejudica as mulheres que tem até tripla jornada de trabalho.

Aumenta o tempo mínimo de contribuição de 15 anos para 20 anos.

Se o trabalhador quiser receber o benefício integral, além da idade mínima, terá de contribuir durante pelo menos 40 anos.

Cria dispositivo que aumenta a idade mínima a cada quatro anos, de acordo com a expectativa de vida da população.   

Reduzirá ainda mais o valor da aposentadoria, pois fará a uma média salarial contabilizando todos os salários e não mais os 80% dos mais altos, como é hoje.

Acaba com o regime de solidário, os trabalhadores da ativa bancam a aposentadoria dos mais velhos. Cria o sistema de capitalização, em que cada trabalhador poupa para a própria aposentadoria

Diminui para 50% o valor da pensão por morte dos cônjuges e órfãos. No caso dos viúvos e viúvas, a proposta prevê 10% a mais por cada dependente. Quando um deles perder essa condição ou falecer, sua cota não será repassada aos demais dependentes.

O aposentado por invalidez receberá a média salarial, calculada com os 80% maiores salários de contribuição, a partir  julho de 1994.

A idade mínima para receber Benefício pago aos idosos e as pessoas com deficiência em situação de miserabilidade, passa de 65 para 70 anos.

Se a reforma da Previdência for aprovada, os patrões estarão livres de pagar a multa de 40% sobre os depósitos efetuados no Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) na conta do trabalhador ou trabalhadora que se aposentar e continuar trabalhando na mesma empresa.

Eles também não precisarão mais continuar recolhendo o FGTS dos empregados aposentados, 8% por mês.

Assessoria Sintuf-MT


CHÁCARA DO SINTUF

Redes Sociais

Sintuf-MT

Av. Fernando Corrêa da Costa, s/nº. - Campus Universitário - Coxipó - MT - 78060-900

Tel: (65) 3028-2924 - (65) 3028-2925

E-mail: sintuf@terra.com.br 

Atendimento:  07h30 às 18 horas 

SEDE DO SINTUF-MT

Crie seu novo site AgenSite
versão Normal Versão Normal Painel Administrativo Painel Administrativo