? ºC Cuiabá - MT
? ºC Sinop - MT
? ºC Rondonópolis - MT
? ºC Barra do Garças - MT

Notícias

09/01/2023 07:41

FASUBRA repudia atos fascistas contra a democracia no Brasil

URGENTE: Bolsonaristas terroristas vandalizaram prédios dos Três Poderes e presidente Lula decreta intervenção federal na segurança do DF. 

Brasília vive mais um dia de terror neste domingo (8/1), com a invasão de bolsonaristas criminosos e golpistas aos prédios do Congresso Nacional, do Palácio do Planalto e do Supremo Tribunal Federal (STF). Todos os três prédios dos poderes: Legislativo, Executivo e Judiciário ficaram extremamente danificados. Um dos criminosos chegou a arrancar a porta do gabinete do ministro Alexandre de Moraes no STF. Autoridades falam em omissão e conivência do Governo do Distrito Federal (GDF), que exonerou o secretário de Segurança Pública do Distrito Federal, Anderson Torres. 

O caos que vêm ocorrendo em Brasília vinha sendo anunciado há dias, desde os episódios na noite do dia 12/12 e na madrugada do dia 13/12, quando radicais defensores de Bolsonaro, derrotado nas urnas, invadiram o prédio da Polícia Civil, atacaram o da Polícia Federal e promoveram queima de carros, ônibus, entre outros vandalismos. Por esse motivo, as invasões na tarde de hoje são criticadas, inaceitáveis e tiveram grandes repercussões negativas. Vídeos mostram a PMDF escoltando os criminosos até a Praça dos Três Poderes. O número de policiais foi insuficiente e chegaram tarde para conter os golpistas antidemocráticos. As forças de segurança só conseguiram evacuar os prédios depois de horas após o início das ações. 

No final do dia, o governador do DF reeleito, Ibaneis Rocha (MDB), após a pressão por parte de parlamentares e autoridades, exonerou o secretário de Segurança Pública do Distrito Federal, Anderson Torres. Ele é ex-ministro da Justiça do governo Bolsonaro, foi nomeado recentemente e está em viagem nos EUA. Os atos terroristas que pedem a intervenção militar e não aceitam a eleição democrática do presidente Lula estão em repercussão por todo o mundo. Presidentes de outros países, ministros e parlamentares se pronunciaram durante a tarde deste domingo. 

O presidente eleito Lula se pronunciou, às 18h, classificou os ataques como “barbárie” e decretou a intervenção federal na segurança do DF até o dia 31 de janeiro. “Fascistas fanáticos fizeram o que nunca foi feito na história desse país”. Lula também falou sobre a “incompetência” da Polícia Militar do Distrito Federal. “É preciso que essas pessoas sejam punidas de forma exemplar”, destacou. 

A FASUBRA Sindical repudia os atuais acontecimentos criminosos e antidemocráticos ocorridos em Brasília, onde os terroristas se espelharam à invasão ao Capitólio nos EUA. Golpistas, incentivados e possivelmente financiados por aliados do ex-governo Bolsonaro com intuito de criar instabilidade política em tentativa de golpe. 

Para a Direção Nacional (DN), que enfrentou os tempos da ditadura, os atos terroristas são mais um motivo para reforçar a luta pela reconstrução da democracia do Brasil, junto aos demais órgãos de Estado. Na posse de Lula, no último dia 1º de janeiro, a DN da FASUBRA e técnica-administrativas  e técnico-administrativos em educação tomaram Brasília para reafirmar nas ruas seu voto pela democracia. A FASUBRA ainda defende a imediata prisão e punição dos responsáveis.

 

#terrorismo

#atosgolpistas

#fascismo

 

Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil.


CHÁCARA DO SINTUF

Redes Sociais

Sintuf-MT

Av. Fernando Corrêa da Costa, s/nº. - Campus Universitário - Coxipó - MT - 78060-900

Tel: (65) 3028-2924 - (65) 3028-2925

E-mail: [email protected] 

Atendimento:  07h30 às 18 horas 

SEDE DO SINTUF-MT

Crie seu novo site Go7
vers�o Normal Vers�o Normal Painel Administrativo Painel Administrativo